Arquivo | 1 RSS feed for this section

No twitter…

10 fev

@frasescuriosas “Saber encontrar a alegria na alegria dos outros, é o segredo da felicidade”.

Georges Bernanos

Anúncios

Em breve…

26 jan

Impacta Diadema 2010

Um evento que vai impactar a sua vida!

Realização: Primeira Igreja Batista em Diadema

Nunca por falta de amor

13 jan

Não deixe sua família morrer.
Todos os dias dá um beijo, uma palavra bonita, uma brincadeira, um abraço.
Todos os dias olhe nos olhos ou finja que está carente,
para aquele filho que não foi gentil.
Admita que precisa cuidado com essas bobagenzinhas,
que ampliadas viram uma catástrofe.
Quem briga demais por uma camisa mal passada, por um prato quebrado
ou por um vaso fora do lugar está chamando crise.
Quem reclama demais está começando a trincar seu vaso de porcelana.
Quem nunca elogia está arrumando desamor.

Se sua roseira morrer,
que nãNunca, mas nunca por falta de amor.

o seja por falta de cuidados…
Nem por cuidado excessivo de mulher dominadora.
Ou de macho que nunca erra.

Já pediu desculpas este mês?… Já disse “eu te amo” desde que se levantou hoje ąs seis horas?

Fonte: http://www.padrezezinhoscj.kit.net/poemas/n1.htm

Avatar: um experiência doutrinária?

11 jan

Semana passada fui ao cinema com meu pai assistir Avatar. Estava muito curiosa por assistir um filme tão novo e inovador do ponto de vista tecnológico como esse.
Apesar de não ter um enredo inovador, supreendente e diferente, o filme lança no atr algumas mensagens, e foram elas o estopin desse post.
Como todo filme e criação artística carrega uma ideologia, resolvi parar para pensar nelas, ler um pouco sobre algumas coisas escritas e postar aqui no blog.
Sempre fui muito contra essa radicalização que muitos líderes Cristãos, principalmente, fazem sobre as mensagens produzidas pelos cinemas, muitas vezes proibindo seus fiéis de irem ver o filme em questão. Apesar de ser pastor, meu pai nunca foi desses, tanto que foi ao cinema ver o filme comigo e gostou assim como eu, mas o nosso lado crítico e cristão não deixa de enxergar toda a ideologia por traz do filme.
Não posso dizer que todos os aspectos do filme em termos de mensagens são ruins… ao contrário, acho que foram bem construídas, aí é que mora o grande problema.
Um épico tecnológico e revolucionário, que narra a história de amor e redenção de um militar americano ao se encontrar com uma nativa alienígena, faz com que ao sair da sala de cinema, você tenha a impressão de despertar de um sonho, ainda mais se é visto na versão 3D. Porém toda a trama(que se apresenta aparentemente fraca e não prende o telespectados com astúcia) esconde por trás dela a ideologia da Nova Era. Eu sei que no momento muitos de vocês podem estar pensando: “agora ela surtou de vez” xD , mas infelizmente tenho como provar com argumentos essa minha “tese”(não na plenitude da palavra).

A História:
Após a morte do irmão gêmio, o ex-fuzileiro Jake Sully(Sam Worthington) é convidado a ficar no lugar dele no projeto Avatar, criado por cientista que contratados por uma empresa que está interessada em explorar os recursos minerais da Lua Pandora. Após viajar durente longos 5 anos, Jake chega a Pandora, que é habitada por Na’vi, nativos hostis. Ao tranferir sua mente para o corpo de seu avatar, que é uma mistura do DNA do ser humano com o dos nativos, acaba perdendo-se na floresta de Pandora e conhece Neytiri(Zoe Saldana), uma nativa que não o mata por receber um sinal dos espírito mais puro que há na floresta. Após salva-lo, a nativa o leva para sua tribo, onde decidem dar a ele mais uma chance e resolvem faze-lo parte da tribo, ensinando-o os costumes dos Na’vi. Porém, apesar do pacto, Jake faz um acordo com o coronel Quaritch(Stephen Lang) no qual fornecerá todas as informações necessárias sobre os nativos em troca de conseguir andar novamente, já que ele havia ficado paralítico em serviço. No decorrer da convivência com os Na’vi, apaixona-se por Neytiri e pelo próprio planeta, sofrendo uma profunda mudança e tornando-se realmente um deles, sendo assim efetivamente aceito pela tribo. Porém ele ainda precisa dos seres humanos e da tecnologia do projeto avatar para estar em contato com os nativos e seu grande amor, mesmo assim Jake passa a defender a terra dos Na’vi e com ajuda de outros cientistas, começa a luta dos alienígenas contra a humanidade.


A ideologia:
Resumindo… A Nova Era prega que estamos encerrando a era de Peixes, ou seja a era dos Cristãos, e iniciando a era de Aquarios. Mas não podemos resumir as crenças dessa ceita apenas nesse elemento. Para falar um pouco mais dela, vou usar os elementos do filme que propagam essa ideia.
Para começar vou falar do elemento do filme que mais me incomodou na própria sala de cinema que foi a religião dos Na’vi. A deusa deles é chamada de Eywa, uma espécie de Gaia, que está presente em toda a natureza e seres vivos, ligando-se a eles através de sinapses. Mostrando ao público uma idéia panteísta e no qual Deus é tudo e que tudo é Deus, assim a natureza é posta como algo a ser adorado, de todas as teorias expostas com certeza essa é a que mais se evidência no filme, tendo momentos em que para matar um ser vivo eles fazem todo um ritual para que a morte seja limpa.
Outro aspecto apresentado no filme é o poder de trasformação do ser humano comum para um ser mais evoluído, que no caso eram os nativos de pandora, que como apresentados no início do longa são maiores que os humanos e seus ossos são bem mais fortes e resistentes, além de seu elevado nível espíritual, sendo assim uma raça superior. Para que isso acontecesse era necessário ser levado da terra a Pandora. Da mesma forma a Nova era crê que um dia a humanidade alcance um elevado desenvolvimento espiritual, criando um regime “cosmocrático” e as pessoas menos evoluídas seriam sequestradas por ÓVNIS, levadas para outros lugares e passariam pela evolução necessária. Isso me parece tanto com o que aparece no filme… acho que é só imprssão mesmo! Alias esqueci de falar, que no filme é possível que o humano permaneça eternamente no corpo de seu avatar, tendo apenas que passar por um ritual… eu, hein!?
No filme os seres humanos são chamado de “povo do céu” pelos nativos. O “povo do céu” é ambiciosos, egoísta, impiedosas, cruel… Os humanos, no filme, eram tão ruins, com algumas pouquíssimas exessões, que teve uma hora do filme que cheguei a pensar: “eu odeio esse povo do céu”, assim que concretizei esse pensamento, foi como um dispertar para a realidade ideológica do filme… trágico, trágico, trágico… Para a nova era, na era de peixes o ser humano se preocupa mais com o mundo material do que espíritual. Porém com a era de aquário a humanidade estará ligada com a natureza e o cósmo, mas para isso ocorrer deve haver um casamento entre o céu e a terra mãe(ideia originária da mitologia grega), que estabelecerá o equilíbrio cósmico entre todas as energias. Jake Sully, apesar de amar a Pandora, ainda pertence ao povo do céu, mesmo assim juntasse com Neytiri, que é uma Na’vi e conseguesse conectar com a terra mãe. Amo as coinscidências! xD


O Avatar:
Avatar, palavra originária do Sanscrito, que significa “aquele que descende de Deus” ou “encarnação” e designa o messias para os adeptos da Nova Era. Eles creem que o messias estabelecerá a paz e unirá governos de todo o mundo(para nós etá mais para o Anticristo), porém para eles cada era tem o seu messias, como Jesus, que foi o messias da era de peixes, porém haverá um outro para a era de Aquarios. Também creem que Jesus Cristo é apenas um ser de nível evolutivo alto e que qlaquer um pode chegar a esse nível. No filme Neytiri fala a Jake sobre um de seus ancestrais que foi o cavaleiro do sei lá o que, perdoem-me, mas realmente eu não lembro o nome, mas ele foi escolhido pelo grande monstro que voa, o qual o nome eu também não lembro, e os dois eram invencíveis. Ela também fala que para o animal escolher alguém é muito raro e só acontece de muitos e muitos tempos. Nem preciso dizer que Jake é meio que “escolhido”, na verdade ele o fez por merecer, já que no filme ele foi a pessoa que mais evoluiu, né?

O despertar:
Há uma frase no filme que de todas já dita no decorrer da história é a menos clichê e é a que cria um ponto de interrogação na cabeça de quam assiste o filme: Ao lutar com Jake Sully o coronel Quaritch diz:
“Como você se sente traindo sua própria espécie?”
Pra mim a genealidade ideológica do filme resume-se nessa frase, pois por mais que Jake seja o mocinho, o bonitinho que salva os nativos e se regenera, ele é o traídor de sua espécie. E ai o filme se sobressai, ai ele se destaca, pois nesse momento percebemos que a luta que o autor nos leva a defender é contra nós mesmos. Aí complica, né?

Mesmo tendo amaaaaaado ao filme, senti-me na obrigação de escrever esse post, não para impedir vocês de assistirem ao filme, mas sim para criar um senso crítico maior no espectador. Isso é tão real que recomendo que assistam o filme porque realmente vale muito apena, mas não engulam tudo os que lhe é lançado porque nossa cabeça não é lata de lixo! Também digo que pra mim é complicado escrever tudo isso sobre o filme, porque foi dirigido por James Cameron’s, que dirigiu Titanic, que ao contrário desse filme traz uma mensagem cristã muito forte, que um outro dia desses pode ser alvo do nosso post.
Apesar de tudo o que defendi o ponto auto do filme é que ele expõe o sentimento imperialista que domina a nossa sociedade entre outras mensagens como as consequências da ambição desenfreada, porém o ponto fraco é a colocação da natureza como divindade.

Fontes:
* A ideolodia da Nova era: doutrinas da Nova era(http://solascriptura-tt.org/Seitas/DoutrinasNovaEra-FCesar.htm)
* Wikipédia: avatar(http://pt.wikipedia.org/wiki/Avatar)

Não se envergonhe de ser livre!

12 dez

Assim que vi a imagem pensei no título. Não se envergonhe de ser livre!

No mundo de hoje  a gente vê uma forte inversão de valores e uma desvalorização da família. Isso é muito triste, mas é real. E as consequências dessa inversão tem sido devastadora pra humanidade: Milhões de pessoas morrem no mundo por causa da AIDS, milhares de pessoas morrem de fome(e não é só na África!), a cada dia mais menores entram no mundo do crime, o consumo e venda de drogass invade as escolas, filhos matam os pais e vice-versa.

Em que mundo nós estamos? Somos seres humanos ou animais?

É terível quando vemos adolescentes andando pelas ruas do centro de São Paulo sem rume e sem destino, com um caximbo de craque na mão e todo orgulhoso de sí, se achando o tal, o máximo! É terrível ver garotas de 13 anos se gabando por já terem transado com 10, 15, 20… É terrível ver adolescentes se achando o máximo porque em casa quem manda é ele e os pais não tem coragem de falar um não! É terível ver jovens que agridem mendigos, tocam o terros nas noites da cidade se gabando, se achando os donos da parada, pensando que são os invencíveis e imortais.

É terrível ver adolescentes cristão que conhecem o Evangelho e que sabem qual é o Caminho, a Verdade e a Vida e permanecem calados diante de tanta desgraça!

Não tenha vergonha de saber a verdade, de saber que o caminho não é por ai, saber que semeando ilusão se colhe feridas. Tenhas coragem de falar aquele que padece na calçada da vida que Jesus Cristo é o Caminho, a Verdade e a Vida e que por meio dEle nós alcançamos a salvação, e não falo apenas da vida eterna, mas também da vida aqui.

Não espere que seja tarde! Mostre o mesmo amor que Deus mostrou por você e diga bem alto que JESUS CRISTO É O SALVADOR! Salve vidas. Não tenha medo de receber um não, uma risada e uma rejeição.

Viva sua liberdade com intensidade! Não se envergonhe dela! Declare a todos que você pertence a Deus! E mostre Deus as pessoas! Ore por elas!

Não se envergonhe de ser livre para que Deus não ser “envergonhe” de ter te dado a liberdade!

Estamos crescendo: obrigada!

12 dez

Gente, hoje quando estava olhando a página de administração do blog, como de custume, parei para olhar os melhores artigos do wordpress e os blogs que estão crescendo rapidamente em pouco tempo e tive a M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A surpresa de ver o Radiscentes C. entre um dos que mais cresce! *-*

Eu me sinto muito abençoa por isso e quero agradecer a Deus em primeiro lugar por ter me dado esse pacotão cheio de presentes(sabedoria, talento, gosto por leitura, criatividade e o blog) e em segundo quero agradecer a todos que sempre dão uma passadinha por aqui, a todos os meus amigos que tem me apoiado desde o princípio e sempre tem elogiado os meus textos, agradeço também a todas as professoras de gramática que passaram por minha vida, aos de Literatura, aos professores da Igreja, a minha prima e a todos que vem lutando comigo para que esse blog seja conhecido! Estou realmente grata.

Mas sei que isso aumenta muito a minha responsabilidade e me motiva D++++ a continuar escrevendo, a escrever muito mais e a melhorar na temática, na gramática(pq sei que cometo muito erros) na linguagem, tenho ainda muito o que trabalhar, mas sei que agora vai ser bem mais fácil com o apoio de vocês!

Continuem orando por mim e continuem acompanhando esse trabalho e divulgando muitooooooo!

Amo muito e oro por todos vocês!

Deus os abençoe!

Beijos

Sou adolescente, mas não sou lata lixo!

12 dez

Hey! Tenho 16 anos indo pros 17 e sei que vivi e estou vivendo anos maravilhosos.
Só porque sou adolescente muita gente acha que eu não sou capaz de muitas coisas e que eu não mereço nada muito requintado. ¬¬
Minha professora da Escola Bíblica Dominical fala algo muito interessante: “O adolescente cristão tem que ser no minimo inteligênte”! Concordo plenamente, mas vou além: “O adolescente do mundo globalizado tem que ser no minimo consiênte”!
Chega de ser tratado como CRIANCINHA! CHEGA DE SER CRIANCINHA! Vamos levantar e ter atitude. Diga NÃO AS DROGAS, aos VÍCIOS, a BEBIDA ALCÓOLICA, a PORNOGRÁFIA, a DISCRIMINAÇÃO SOCIAL, a VIOLÊNCIA, ao BULLING, e ao LIXO que jogam nas nossas cabeças todos os dias!
É pedir muito ter na TV programas voltados ao nosso público com papo cabeça, com temas mais profundos, com atitude de verdade, não ao que a “massa” faz? É pedir muito ter uma revista que fale sobre coisas que nos interessam ser ser fútil e vulgar D+?
Poxa vida! O maior problema da nossa sociedade, sendo dos pais até a mídia é que eles nunca sabem como tratar o adolescente, ou eles nos tratam como crianças, tendo programas e reportagens bem bobas e enjoativas, ou nos tratam como jovens/adultos colocando-nos muito exposto, falando sobre coisas que ainda não cabem a nós e obrigando-nos a crescer rápidamente.
Eu posso estar parecendo antiquada, mas a verdade é que as consequências nós vemos com o grande número de adolescentes grávidas, que foram tratadas como jovens, sendo estimuladas a transar, a fazer sexo assim que der vontade, e ao mesmo tempo foram tratadas como crianças não falando a elas as consequências dos atos, mostrando que cuidar de bebê é que nem cuidar de boneca e passando a mão em suas cabeças.
Não tenho vergonha de falar que eu assisto MALHAÇÃO, mas custa fazer dessa novelinha algo mais inteligente, algo mais cabeça, sem tantas futilidades e vulgaridades? Tipo, a história toda se resume em “quem pegou quem?”, “como é que foi a pegada?” e se “vão se pegar por quanto tempo?”, claro que não podemos esqucer que no meio de tanta futilidade os personagens acabam tendo um lápso de cidadania e se engajam em algumas causas sociais. Puxa… eu nem tô pedindo pra parar de ter o pega-pega que é o que mais da emoção a trama, mas bem que as personagens poderiam ter mais profundidade e poderiam deixar de ser tão bobinhas, né?
Mas agora eu poderia falar super maaaaal de algumas revistas para adolescentes, já que não sou adepta desse tipo de literatura(se podemos chamar assim), mas acho que é desnecessário falar como é inútil essas revistas que tem 90 PÁGINAS falando de beijo, sexo e garotos… Não vou ser injusta, eu sei que falam também de música(dos músicos lindos =p), de cinema(dos atores gatos) entre outras coisas interessantes do mundo( dos outros gatos que tem no mundo u.u), sem falar dos colírios, né? Ai como essas revistas nos enchem de coisas úteis! O que seria da minha vida sem elas? ¬¬
Bom, antes que todos vocês pensem que devo ser mais uma daquelas feministas de esquerda, eu já me defendo e falo, sou apenas uma adolescente que quer mais qualidade nas coisas que jogam na minha cabeça. Sei que não é pedir muito, na verdade é pedir o mínimo. Não quero ser mais uma alienada filosóficamente, que vive de acordo com os desejos da sociedade, sendo mãe de 8 crianças que um dia serão mão de obra barata para alguma empresa(sem querer ser marxista xD).
Pre ver como eu não sou radical, eu gostaria que na malhação tivessem mais personagens como a Bianca de Caras&Bocas, por exemplo. Ela não é uma personagem modelo, mas ela é leve, é divertida, muito esperta, tem seus defeitos, é ambiciosa, mas tem profundidade, consistência. Observem para vocês entenderem.
Eu só quero viver com adolescentes melhores. Quero fazer parte de uma geração que vive intensamente e com muita sabedoria. Eu penso que é muito legal quando no recreio eu converso com alguns colegas sobre coisas inteligentes, sobre coisas sobre o nosso país, planos pra vida, sonhos. É óbvio que como toda garota eu também gosto de conversar sobre garotos, novela, música entre outras coisas, poruqe na vida tem que haver diversão, mas tudo sempre mantendo o equilíbrio.
Bom, não parem de assistir Tv, Malhação, talvez, até que se salva em alguns pontos… revistas inúteis??? Pra mim, nem pensar!!! Mas o mais importante disso é ter senso crítico. Aprenda a saber o que é bom e ruim pra você. Não aceite tudo o que a TV te joga. Porque por mais que o programa seja bom, sempre vai te jogar algum lixo. E o que é lixo tem que ser jogado fora!
Analise, questione e compare com a Palavra de Deus, que só busca o seu melhor. Veja se o que a mídia te lança é o certo ou se é apenas uma modinha boba, ou até mesmo um vírus que irá destruir a sua vida.
Antes de assistir um programa, ou comprar uma revista, lembre-se:
“SOU ADOLESCENTE, MAS NÃO SOU LATA DE LIXO”!!!!

P.S.: Comentem, gente! Diga-me suas ideias, fala o que acha sobre os artigos, me questionem, me combatam… só com o dialogo e debate há crescimento. Não quero ser a única a falar aqui nesse blog. O espaço é de vocês também. ;*