Um dia… a casa cai!

25 jun

E ai??? O que é que você vai fazer??

Acredito que já deu pra perceber que amoooo futebol, então quando chega essa época da copa, haja inspiração! Estava hoje assistindo ao jogo da poderoza Azzurra e vejo a queda da atual campeão do mundo perante a Eslováqui, que apresentou um futebol melhor que os italianos, porém é uma seleção que até agora ninguém apostava nada.

A seleção italiana sempre foi muito elogiada por sua garra, força para virar e sua impecável defesa. Sua fama por ser uma seleção que luta até o fim fez com que todos criassemos um dogma: “Quando a Itália vem aos trancos e barrancos, cuidado! Porque é assim que ela ganha a Copa”. Infelizmente essa verdade vem se confirmando na história das copas, sendo a da Alemanha a mais recente, tendo uma vitória dramática nos penaltis contra a França.

Bom, mas o que isso tem haver com o Radiscentes C.? Vendo as análises dos comentaristas após a partida e também analisando o jogo que vi, cheguei a uma conclusão: um dia a casa cai e hoje caiu pra Azzurra.

Podemos fazer uma comparação entre a seleção italiana e a vida de uma pessoa que vai levando as dificuldades, os problemas com muita dificuldade, mas no fim consegue o resultado alcançado, mesmo assim não trata os problemas da vida e nem busca mudanças até que um dia os resultados não vem mais.

Muitas vezes a nossa casa é um relacionamento que vai nos trancos e barrancos, a base de mentiras, traicões, farsas, brigas, e mesmo assim nós vamos deixando a bola rolar, não buscamos ajuda, nem tirar a erva daninha dessa relação. Outras vezes a casa é vida escolar, em que você não se esforça, brinca o tempo todo, pensando que sempre vai poder correr atrás, não presta atenção nas aulas, não corre atrás do prejuízo e deixa pra estudar na última hora, mas até quando você vai conseguir passar raspando?

E a vida vai seguindo assim, porque de certa forma as coisas estão indo bem. E quando a situação aperta e o tima adversário faz um gol e você precisa atacar com tudo, porque você já não tem mais nada a perder? Ai é que muitos apelam pras drogas e alcool pra conseguir reverter a situação. Infelizmente, quando não temos mais nada a perder é quando mais perdemos.

Tiramos o segundo zagueiro e colocamos um meia atacante que volta pra marcar, mas que não é aquele marcador e deixamos nossa zaga toda aberta. Ficamos atacando o tempo inteiro, e quando bobiamos eles vem num contra-ataque veloz e fazem o segundo gol. Você está eliminado.

Quantos filhos não conseguem mais falar com seus pais, toda vez que estão em casa vivem brigando, vivem se atacando e pra tentar reverter a situação fogem para as drogas? Esse pode ser o seu caso. Cuidado, porque hoje você não sente o mal que a falta de tratar esse problema está trazendo na sua vida e como as drogas estão te destruindo, mas amanhã as drogas podem vir num contra-ataque mortal e eliminarem você da copa da vida.

E não posso esquecer de falar também dos namoros. Muitas vezes começamos a namorar alguém simplesmente por causa da aparência, por causa da popularidade, ou até mesmo gostamos da pessoa, mas aos poucos o príncipe vira sapo, a princesa vira bruxa, e as brigas não param de acontecer. Ele vai pra uma balada e fica com outra. Ela começa a mentir sem parar. Mas mesmo assim, no fim das contas ele(a) volta para os seus braços e é isso que importa. Será mesmo?? E é nessa situação que muitos acabam caíndo no vicio do alcool.

Também temos aqueles jogadores que pensam que não são capazes de fazer amigos por si só, que não são capazes dechegar naquela mina, ou de ficar com o gatinho da pista e precisam de uma ajudinha, o alcool(claro que ai entra mais no dopping do Mardona em 94). Bebem, bebem e bebem e vão se soltando, ficando leves, correm mais pelo campo, começam a gostar do jogo. Pronto fazem o gol, conseguem aquele beijo. Se der sorte, no dia seguinte até se encontra com ele(a) de novo… ai começa a surgir um sentimento. Se apaixona. Ixiii… o problema é que depois do jogo tem o teste anti-dopping. Te pegaram! Levou um fora, justamente quando já estava amarrado(a).

É a vida é muito mais parecida com um jogo de futebol do que imaginamos. Um equipe realmente vencedora é aquela que joga bem e procura sempre resolver os problemas que encontra. E não como a Itália que deposita todas as suas esperanças em um jogador que vem de contusão, até joga bem, muda a cara do time, mas não faz milagre.

Não deposite suas esperanças em drogas, colas, bebidas, mentiras. Deposite ela em Cristo, porque só ele sabe o caminho para a vitória. Ele não só se preocupa em ganhar, mas quer que você ganhe jogando muito bonito.

Não deixe que a casa caia! Procure ajuda enquanto é tempo! ;D

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: